Voltar ao topo
Mandarim Oriental: Bangkok

Mais uma viagem rolando e dessa vez o destino é Tailândia! Wow! Vocês conseguem imaginar o tanto que estou empolgada?! Vou mostrando tudo pra vocês por aqui e lá no meu Instagram!

O nosso primeiro destino da viagem foi Bangkok, pegamos o vôo São Paulo – Doha – Bangkok e ficamos lá por 3 dias e claro que aproveitamos para nos hospedar no tão falado Mandarim Oriental, que como era de se esperar, a experiência foi maravilhosa! Fiquei impactada com o nosso quarto, era de outro mundo! Tinham 4 ambientes, enormes e extremamente aconchegantes, a cama parecia ter um imã! rs.

tailandia anna fasano21

tailandia anna fasano21

tailandia anna fasano21

tailandia anna fasano21

Tudo impecável, eu fiquei impressionada com o serviço, quando a gente descia do elevador já tinha um funcionário na porta esperando para ajudar com sacolas e abrir a porta do quarto, se a gente saísse por 5 minutos, quando voltava eles já tinham organizado tudo. Nunca vi nada igual!

tailandia anna fasano21

A piscina é um caso a parte, linda e rodeada por uma paisagem maravilhosa!

tailandia anna fasano21

tailandia anna fasano21

O arranjo de flores do lobby é de cair o queixo! Feito de mini orquídeas e jasmins, parece uma obra de arte! Aliás, uma das coisas que mais me impressionou em Bangkok foram os diversos e infinitos tipos de flores, queria levar tudo para o Brasil! rs

tailandia anna fasano21

tailandia anna fasano7

E claro que não poderíamos deixar de conhecer a tão falada Massagem Thai, né?! Fizemos a massagem típica do Spa, são 90 minutos em um colchão no chão, depois tem um banho de banheira e sauna dentro do próprio quarto de massagem. Incrível!

tailandia anna fasano21

Sala de chá maravilhosa do Hotel. Todo dia, das 12 as 17hrs é servido um chá incrível. Ficamos encantados com esse lugar!

 

tailandia anna fasano21

tailandia anna fasano21

tailandia anna fasano21

Após a nossa massagem no segundo dia de viagem acabamos saindo mais tarde do hotel e como já estava muito quente resolvemos conhecer o famoso shopping de Bangkok, o Siam Paragon, um shopping enorme com todas as marcas de Grifes, marcas Fast Fashion como Zara, H&M, Topshop, Uniqlo e muitas lojas de designer locais. Pra quem tiver tempo e quiser fazer compras super indico, tem uma loja de departamento ótima!

A praça de alimentação é surreal de grande, tem todos os “Thai’s Restaurants”, quem tiver pouco tempo na cidade e quiser provar um pouco de tudo vale super a pena, não é bonita mas tem ótimos restaurantes.

tailandia anna fasano7

O Hotel tem várias opções de restaurantes, Thai, Italiano, Francês, Chinês e um bar com música ao vivo super badalado. Nós fomos comer o Francês, Le Normandie, que ganhou duas estrelas Michelin. O restaurante é super chique – homens precisam usar blazer (óbvio que o Antonio não tinha, mas como eles pensam em tudo, eles têm todos os tamanhos para emprestar para os hóspedes). Nosso jantar foi uma delícia com uma vista linda para o rio e a comida excepcional!

tailandia anna fasano22

tailandia anna fasano7

tailandia anna fasano21

No primeiro dia em Bangkok acordamos bem cedo, as 7 horas da manhã, para ir aos Templos. Fizemos Wat Arun, Wat Phoo e Grand Palace. O meu favorito foi o Wat Arun, talvez por ser o primeiro e causar um grande impacto, mas eu achei uma coisa de outro mundo! Cada detalhe, a grandeza dos Templos e a riqueza, tanto nos detalhes quanto cultural, é magico!

tailandia anna fasano1

tailandia anna fasano27

Wat Phoo é onde fica o Buddah reclinado, lindo de ver! No dia que fomos estava bem cheio e começou a esquentar ao longo do dia, muitas pessoas levam guarda-chuva para fazer sombra, porque realmente é bem quente! Dica: Se quiser vestir shorts curto ou regata neste dia, levem uma canga/lenço na bolsa, pois os templos não deixam entrar com joelhos a mostra e ombros/costas de fora.

tailandia anna fasano23

tailandia anna fasano23

tailandia anna fasano23

v

Para irmos aos templos usamos o barco que sai do lado do Mandarim – para ir até Wat Arun fomos até a parada 8 e para Wat Phoo é apenas uma parada, porém precisa ir de barco para trocar de lado do rio. De lá fomos andando para o Grand Palace.
tailandia anna fasano30
O Grand Palace é enorme e acho que o mais cheio, a sensação de entrar nesses templos é impactante, só de pensar que foi feito tudo a mão séculos atrás chega a dar arrepios. Pra quem não sabe, o Grand Palace já foi a residência da família real da Tailândia por cerca de 150 anos. Construído no século XVIII, a pedido do rei Rama I, o Grand Palace está localizado dentro de um grande complexo murado, ao lado do Chao Phraya – o rio que passa por Bangkok

Todos os Templos são pagos, o Grand Palace foi o mais caro. Pagamos 500BAHTS.

Dica extra: em todos os Templos você precisa tirar o sapato para entrar, por isso use algo fácil e prático.

tailandia anna fasano30

tailandia anna fasano30

tailandia anna fasano30

Bangkok é uma cidade repleta de restaurantes deliciosos, porém por todos os cantos também é possível encontrar “Street Food”, com frutas e comidas típicas, ás vezes o cheiro é bem forte. Se preparem! rs.

Dois Street Food que o Antonio indicou:

  • 1. Jay Fai: única e primeira comida de rua no mundo a ganhar uma estrela Michelin. Nós tentamos comer, mas entramos no número 75 da fila e ainda estava no 33, ou seja, iria demorar umas 3 horas. Depois descobri que ela faz reserva, vale tentar!!
  • 2. Thipsamai Pad Thai: Antonio comeu o Pad Thai e disse que é maravilhoso! Quando você chega tem uma fila enorme, mas não se assuste, é apenas para quem quer sentar lá dentro, ele pegou no caixa e comeu na rua mesmo!

tailandia anna fasano21

Estávamos ansiosos para provar a comida Thai e por isso optamos por conhecer um restaurante local no primeiro dia: o Baan Phadthai não deixou nada a desejar, a comida estava excelente e o serviço impecável o ambiente é mais roots, porém amamos! Vale experimentar!

tailandia anna fasano7

tailandia anna fasano7

Restaurante Nahm tem uma estrela Michelin e é muito bom, porém BEM spicy!! Pra quem não curte comidas apimentadas talvez essa não será a melhor a opção.

tailandia anna fasano7

Para nos locomover na cidade acabamos usando muito os famosos Tuk-tuk, o meio de locomoção mais divertido em Bangkok! Porém negocie MUITO antes de entrar no Tuk. Eles chegavam a cobrar 600BHT logo de primeira e a gente conseguia negociar a 250BHT.
Outra coisa que vale ficar atento é com os táxis, que é super barato, porém quando eles viam que éramos de estrangeiros, eles passavam um valor fechado e não ligavam o taxímetro, isso quer dizer que você esta pagando muito mais do que o certo! Ou seja, só entre no taxi se ele topar fazer a corrida com o taxímetro ligado.
tailandia anna fasano34

O que levar na mala?

No Instagram acabei recebendo muitas mensagens de vocês querendo dicas de como fazer a mala para uma viagem longa, sem ser muito pesada e confesso que essa não é uma das tarefas mais fáceis pra mim! A minha mala foi 80% de vestidos que eu poderia repetir, por exemplo, usar um dia para jantar e outro dia durante os passeios.

Como tem muitos vôos internos a mala tem limite de 15/20kg, dependendo da Companhia, ou seja, foram 20kg para 22 dias. Tive que fazer uma mala enxuta e inteligente! Uma amiga minha tem um projeto de ajudar a montar malas e ela praticamente me salvou! Montamos a mala juntas e deu tudo certo! Deixo aqui o contato dela: Maria Clara Antunes
+55 (11) 99244-4406

tailandia anna fasano27

Gostaram das dicas? Fiquem ligadas por aqui que tem muuuito mais!

In Love 2

  • CATEGORIA: Viagens
  • COMPARTILHAR:
  • COMENTÁRIOS: Nenhum comentário

Comentar:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

INSTAGRAM

@annarfasano