Voltar ao topo
YAO NOI- Six Senses

Chegou a parte das praias do nosso roteiro! Confesso que eu estava ansiosa, com o calor que faz lá eu só pensava em ficar deitada 24 horas por dia com água gelada e me refrescando. Não sei como começar a descrever nosso hotel em Yao Noi.

Nunca vi nada tão perfeito e impecável como o Six Senses de Yao Noi. O hotel fica isolado da cidade, em uma ilha paradisíaca, com um visual indiscritível.

Vou começar contando da nossa chegada, nós descemos em Pukhet e no aeroporto já havia uma van do hotel nos aguardando para nos levar para o ponto de saída do barco. Eu, Antonio e mais 2 casais, fomos em uma lancha do hotel, 40minutos até chegar, super rápido. O hotel separa um GEM (guest experience maker) para cada quarto – uma pessoa que nos ajudou com tudo – e chegando lá o nosso já estava nos aguardando com um carrinho de golfe com nossos nomes.

YAO NOI- Six Senses anna fasano 1

YAO NOI- Six Senses anna fasano 1

Fomos levados direto para o nosso quarto, o check-in é feito no quarto mesmo, o nosso …. deixa tudo organizado e já nos passa opções de passeios, spa, e cronogramas do hotel.

Agora um minuto de silêncio para nosso quarto com piscina privativa.

Não é um sonho?!!! Ficamos impactados como o tamanho do bangalô, a decoração, tudo!! E foi por lá que ficamos no primeiro dia!

Acordamos cedo para fazer um passeio de barco que agendamos com o hotel, e claro não poderia ser diferente, o café da manhã do hotel era de tirar qualquer um da dieta, uma delicia atrás da outra, infinitas frutas, patisseries, sucos naturais, uma parte enorme de coisas sem gluten feitas lá mesmo. Eu não tinha maturidade!

Seguimos para o pier, para nossa saída de barco. Optamos pelo barco local em vez de lancha, e fomos só nós dois (mais o marinheiro) conhecer as ilhas próximas.Eu via as fotos da Tailândia e sempre pensava “nossa deve ser maravilhoso” mas gente, aquele mar ao vivo é coisa de outro mundo!! Nosso passeio foi mágico. Tivemos até a sorte de ver os macaquinhos que vieram comer no barco.

Continuando a contar mais sobre o hotel: eles tem mil programações para oferecer, como: cinema a noite na praia, aula matinal de Yoga, um spa incrível, uma academia super completa e uma biblioteca linda – da vontade de ter uma igual em casa.

Sobre a comida no hotel, eles têm alguns restaurantes, nós comemos em dois e a comida estava muito gostosa. Agora a melhor parte: o hotel é “open bar” de sorvete, são 22 sabores que você pode pegar a hora que quiser e quantos quiser. O Antonio pirou!!! Fez um desafio de provar os 22 sabores em 3 dias e missão concluída!

Esse corredor de luzes é o caminho de um dos restaurantes a noite. Olhem só que lindo:

Além da piscina do quarto tem também a piscina principal do hotel, que foi onde almoçamos dois dias com um visual que parecia um quadro, a piscina tem borda infinita para o mar, uma vista inesquecível.

E para finalizar, o SPA: fiz a melhor massagem da minha vida, chamada “Tibetan singing bowls”.

Com certeza o destino praia começou da melhor forma, um dos melhores hotéis que já me hospedei, daqueles que deixa saudades eternas. O mais legal é que eles fazem um trabalho de inclusão da comunidade muito lindo de se ver. Os hóspedes conseguem interagir com eles e sair de lá com uma sensação de que conheceu o destino com um outro olhar.

In Love 1

  • CATEGORIA: Viagens
  • COMPARTILHAR:
  • COMENTÁRIOS: Nenhum comentário

Comentar:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

INSTAGRAM

@annarfasano